A DUPLA

A Dupla Charles Möeller & Claudio Botelho atua no segmento de Teatro Musical desde a década de 1990 e tem papel fundamental no desenvolvimento e consolidação do gênero no país.

Desde a efetivação oficial da dupla, em 1997, o mercado de musicais no Brasil vem evoluindo e alcançando um patamar bastante competitivo no campo do entretenimento. Muitas mudanças quantitativas e qualitativas foram implementadas ao longo desta trajetória.É uma dupla premiada, que alcançou uma grife, um selo de qualidade: um espetáculo Charles Möeller & Claudio Botelho, como assinam todas as suas montagens.

Möeller & Botelho trabalharam com as maiores estrelas do teatro musical do país, como Marília Pêra, Cláudia Raia, Totia Meireles, Alessandra Maestrini, Kiara Sasso, Soraya Ravenle, Claudia Netto, Saulo Vasconcelos, Gottsha, Sabrina Korgut, Adriana Garambone, Alessandra Verney, Marya Bravo, Ivana Domenico, Inez Viana, Fred Silveira, Daniel Boaventura, Solange Badim, Marcelo Medici, Sandro Christopher, Lilian Valeska; e ainda trouxeram para os musicais nomes como José Mayer, Renato Aragão, Maria Clara Gueiros, Marcelo Medici, Lucio Mauro Filho, Luiz Fernando Guimarães, Gregório Duvivier, Gracindo Jr, Francisco Cuoco, Herson Capri, Carol Castro, entre outros. Também trabalharam com nomes como Eva Wilma, Nicette Bruno, Ida Gomes, Rogéria e Zezé Motta.

Ao longo de mais de 25 anos de existência, a dupla Möeller & Botelho tem investido maciçamente na formação de novos profissionais do meio, não só em jovens atores-cantores, tais como Malu Rodrigues, André Torquato, Estrela Blanco, André Loddi, Carol Puntel, Cássia Raquel, Renata Ricci, Felipe de Carolis, Leticia Colin, Pedro Sol Blanco, Jules Vandystadt, Rodrigo Cirne, Felipe Tavolaro, entre outros, mas também em técnicos, bailarinos, figurinistas, iluminadores, entre outros profissionais.

Empregos diretos

As produções da dupla Möeller & Botelho empregam cerca de 80 pessoas por espetáculo. São atores, cantores, músicos, bailarinos, técnicos especializados, produtores. Todos ganhando salários mensais, independente da bilheteria do espetáculo. Para isso, a Möeller & Botelho oferece um planejamento financeiro detalhado e um formato apurado de produção e organização.

Empregos Indiretos

São 1.600 profissionais indiretos com as cadeias produtivas em que se inserem as produções de Möeller & Botelho.

Público

O teatro musical desenvolvido no Brasil trouxe, nos últimos anos, mais gente para o teatro. E Möeller & Botelho estão diretamente ligados a esta conquista. Quando “Ópera do Malandro” estreou, em 2003, tornou-se o maior acontecimento do teatro carioca naquele ano – era prevista uma temporada de três meses, mas o musical ficou o ano todo em cartaz com casa lotada todos os dias. Havia anos o teatro no Rio de Janeiro não vivia algo parecido: ingressos esgotados com dois meses de antecedência, filas na porta do teatro. Em 2008, “A Noviça Rebelde” foi o primeiro grande musical que estreou no Rio depois da chamada retomada dos musicais no Brasil e foi igualmente um estrondoso sucesso de público. “O Despertar da Primavera” atraiu multidões de jovens ao teatro, consolidando este novo nicho e contribuindo para a formação de plateias. Hoje são diversas plataformas de contato com o público: A Dupla Möeller & Botelho possui site oficial, canal próprio no YouTube, e perfil nas principais redes sociais, como Facebook, Instagram, Twitter e Snapchat.

Apuro Técnico

Nestes mais de 25 anos de carreira, Charles Möeller & Claudio Botelho acumularam elogios de crítica e público e viraram sinônimo de teatro musical de qualidade, conquistando um apuro técnico que coloca os musicais produzidos no país no mesmo nível de acabamento e produção de espetáculos similares na Broadway ou em Londres. A dupla está diretamente relacionada ao apuro técnico desenvolvido no Brasil na área de entretenimento. Se no passado o som, os microfones, a luz, os cenários não eram de qualidade, hoje tudo tem um acabamento impecável, das roupas à perucaria. Chegou-se a uma excelência técnica grande e ao mesmo nível internacional.

Números

40 produções entre musicais autorais; musicais da Broadway e de Londres; musicais nacionais e shows/revistas musicais.

Mais de 30 prêmios pela importante contribuição ao Teatro Musical Brasileiro. entre os quais os mais importantes do país, como o Shell, o APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte), o APTR (Associação dos Produtores de Teatro do Rio de Janeiro), o Governador do Estado, o Qualidade Brasil, o Sharp, entre outros.
Mais de 2700 apresentações! 4.100 horas de espetáculo, equivalente a 24 semanas ininterruptas!
Mais de 1.100.000 de espectadores!

Cursos e Workshops Möeller & Botelho

Workshop de Teatro Musical Möeller & Botelho e Petite Danse  (2014)

Foi aberto em 2 de outubro de 2014 o Workshop Möeller & Botelho de Teatro Musical, em parceria com a Escola Petite Danse. Na abertura, o CEO da Möeller & Botelho, Edson Bregolato, inicialmente fez a apresentação do curso e da própria trajetória da dupla, por meio de imagens dos espetáculos e da biografia dos diretores. Em seguida apresentou os professores do curso: Fabiana Tolentino (interpretação), Alan Rezende (dança) e Marcelo Castro (música). Os participantes do Workshop também se apresentaram, contando um pouco de suas formações profissionais. Depois foi a vez dos diretores Charles Möeller e Claudio Botelho falarem sobre seu processo de trabalho; sobre a experiência de 35 espetáculos em quase 20 anos de dupla e sobre a evolução do mercado, entre outros temas. O Workshop foi realizado de sete de Outubro a 11 de Dezembro, em duas turmas: na Barra da Tijuca (Petite Danse) e em Laranjeiras (Clube Hebraica). As aulas foram voltadas para a prática na área de Teatro Musical, incluindo programas de iniciação, aperfeiçoamento e qualificação profissional.

A Era de Ouro dos Musicais Americanos  (Casa do Saber – Fev a Abr 2014)

A receptividade do primeiro curso de Möeller & Botelho na Casa do Saber (RJ) foi tão grande que motivou a preparação de um novo ciclo especial, centrado apenas na era de ouro dos musicais americanos, que foi contada por Charles Möeller e cantada por Claudio Botelho. A ‘Era de Ouro dos Musicais Americanos’ enfatizou a obra de Irving Berlin, Jerome Kern, Gershwin, Lorenz Hart, Rodgers & Hammerstein, Cole Porter, Kurt Weill, Stephen Sondheim, entre outros ícones. Além da dupla, o ciclo recebeu convidados da nata do teatro musical brasileiro. O curso, em oito encontros, foi ministrado na Casa do Saber de 18/02 a 15/04 de 2014.

A História do Teatro Musical Americano em 8 aulas-show  (Casa do Saber – Out a Nov 2013)

Em 21 de outubro de 2013 teve início, na Casa do Saber, no Rio de Janeiro, o curso “A História do Teatro Musical Americano em 8 aulas-show”, ministrado pela dupla Charles Möeller & Claudio Botelho. No curso, a história do teatro musical americano foi contada por Charles e cantada por Claudio, desde sua origem até os dias de hoje abordando nomes como Irving Berlin, Jerome Kern, Rodgers & Hammerstein, Cole Porter, Stephen Sondheim, Jule Styne, Andrew Lloyd Webber, Elton John e muitos outros. Além da dupla, o curso recebeu convidados da nata do teatro musical brasileiro, tais como Totia Meireles, Malu Rodrigues, Marya Bravo, Alessandra Verney, Ester Elias, Adriana Garambone, Renata Ricci, Nicola Lama, Vera Canto e Mello, Darwin Del Fabro, entre outros, que apresentaram números para os alunos.

Seminário Carioca de Teatro Musical  (2013)

Em 15 de agosto de 2013, o diretor Charles Möeller participou da primeira edição do Seminário Carioca de Teatro Musical, no qual grandes nomes do teatro musical no Brasil debateram o gênero. Realizado no Theatro NET Rio (RJ), o encontro foi promovido pelo CEFTEM (Centro de Estudos e Formação em Teatro Musical). Charles fez um panorama da história dos musicais americanos, suas características e as influências nos musicais brasileiros.

Curso de Teatro Musical na Casa de Artes de Laranjeiras – CAL  (2013)

No primeiro semestre de 2013, Charles Möeller ministrou, por dois meses, um curso de Teatro Musical na Casa de Artes de Laranjeiras (CAL), no Rio de Janeiro. Ao final do curso, os alunos realizaram uma montagem de ‘Sete – O Musical’, da própria dupla Möeller & Botelho, e encenado originalmente em 2007. A atriz Cristiana Oliveira foi uma das participantes do curso.

Workshop Möeller & Botelho  (2011)

De 17 a 19 de janeiro de 2011, no SESC – Ginástico (RJ), foi realizado o primeiro o  Workshop Möeller & Botelho, promovido pelo SESC e pela Aventura Entretenimento. Os diretores Charles Möeller e Claudio Botelho e o diretor musical Marcelo Castro falaram para uma plateia formada principalmente por estudantes de teatro, atores e cantores, além de fãs de teatro musical. Durante os três dias de encontro, foram discorridos vários aspectos, tais como a mudança qualitativa que o musical proporcionou no Brasil, a metodologia de trabalho da dupla e os conceitos de criação, entre outros. Também foram tiradas várias dúvidas sobre audição e preparação para musical. Ilustrando parte do processo de criação de Charles, os jovens atores-cantores Malu Rodrigues e Andre Torquato apresentaram números de ‘Gypsy’, ‘A Noviça Rebelde’ e O Despertar da Primavera.